12 de março de 2018

A convite da Secretaria da Infraestrutura e do Deter, a empresa BBarcos, de Imbituba, realizou nesta segunda-feira, 12, uma operação teste com uma embarcação do tipo catamarã, similar aquela projetada para o transporte marítimo de passageiros da grande Florianópolis.

“O teste comprovou a eficácia do transporte marítimo na Grande Florianópolis. Há nove anos a licença ambiental estava parada. Depois de uma longa espera avançamos na liberação do documento junto a Fatma. O transporte marítimo vai melhorar a mobilidade urbana e a qualidade de vida na grande Florianópolis”, disse o secretário da infraestrutura, Luiz Fernando Cardoso.

Depois de obter no ano passado licença prévia da Fatma, o projeto de transporte alternativo foi enviado ao SPU (Serviço de Patrimônio da União), em Brasília, onde encontra-se em análise. A autorização do órgão federal é o documento que falta para o início efetivo das operações.

Participaram do passeio experimental o presidente do Deter Fúlvio Brasil Rosar Neto, o gerente de transporte aquaviário da secretaria, Mané Ferrari, representantes dos municípios envolvidos no projeto – Florianópolis, São José, Palhoça e Biguaçu – além de convidados e imprensa.

O barco partiu do trapiche do Veleiros da Ilha as 9:30 em direção a Ponta de Baixo, em São José. O trajeto foi percorrido em menos de 15 minutos, com velocidade média de 60 km. O catamarã também testou outros possíveis rotas nas baias sul e norte da capital.

Fonte: SIE (http://sie.sc.gov.br/noticia/teste-comprova-eficacia-do-transporte-maritimo-na-grande-florianopolis)

Teste comprova eficácia do transporte marítimo na Grande Florianópolis

voltar